Imagem capa - Coquetel de boas vindas por Estilo Vintage Decoração
momentos Conceito de Decoração

Coquetel de boas vindas


Você já parou para pensar sobre o que irá servir para seus amigos e familiares logo na chegada da festa? O casal costuma realizar sua sessão de fotos justamente durante este momento, por isso, apesar de não ser uma regra, o ideal é que seus convidados sejam recebidos de uma forma toda especial enquanto aguardam a grande aparição dos recém casados. Para que você possa organizar esta recepção de forma que se torne um verdadeiro sucesso, separamos algumas dicas sobre coquetel de boas vindas no casamento: tudo o que você precisa saber!



Por onde começar?

Este pequeno mimo é servido no mesmo local da festa, porém, em um espaço próximo à entrada, mas a uma certa distância das mesas e da pista de dança. Geralmente são adotadas mesas altas e não muito extensas ou objetos que façam o papel das mesmas, decorados com algum elemento que se identifique com o conceito adotado para o casamento. 

                                                                                                                                           Foto: Alicerce Retratos



Fotos: Cadeira Amarela




Foto:  Cadeira Amarela


Mobiliário

O mobiliário deve seguir o estilo do casório, onde a criatividade comandará a elaboração de um espaço que deve unir conforto e originalidade. Grandes decoradores costumam utilizar pequenas mesas circulares, optando por uma miscelânea de estilos para criar um ambiente descontraído e diferenciado. O ideal é complementar esta área com um loft, oferecendo mais conforto para convidados com crianças de colo e idosos.








Elementos decorativos

Para facilitar a orientação dos convidados, coloque placas ou setas que indiquem a área na qual eles devem aguardar a chegada dos noivos. No caso de uma celebração noturna, leve em conta a iluminação, que pode receber gambiarras (caso tenha escolhido um local ao ar livre), lustres, lampiões e velas para dar um toque de charmoso e romântico às mesas.



Fotos: Alicerce Retratos


Foto: Thiago e Camila





Pri e Con super apostaram na ideia de ter um coquetel antes da recepção (jantar), eles tiveram um ambiente onde foi servido entradas (comidinhas de boteco), e no mesmo ambiente já realizaram brinde, buquê e valsa. 

Pois a Pri, queria que todos chegassem juntos ao jantar, setassem em uma grande família, e claro logo após uma bela pista de dança animada. 


Fotos: Cadeira Amarela 



Comes e bebes

Embora os convidados cheguem com algum apetite, não é bom oferecer grandes quantidades de comida antes do banquete. Por isso, o mais indicado é dispor de lanches leves e pequenos petiscos, que podem ser à base de salmão, carnes magras, queijos selecionados e opções veganas ou vegetarianas. As bebidas refrescantes não podem faltar, como águas aromatizadas e sucos, que recebem apresentações customizadas para dar um toque todo especial ao casamento.



Fotos: Alicerce Retratos  - Mesa de entrada - Chef Maria Eugênia




Fotos: Pamela Kieper - Água Aromatizada: Chef Rafael Lobo 


Foto Estúdio Reversa - Tábua de Frios: Chef Rafael Lobo


Foto: Thiago e Camila - Mesa de frios: Hannover . 




Fotos: Ganske Fotos e Histórias 


Foto: Carol Ritzmann - Finger Food: Chef Rafael Lobo



Drinks personalizados

Alguns casais vão muito mais além e contratam especialistas para criar drinks personalizados, desenvolvidos especialmente para a ocasião. Neste caso, peça versões que incluam frutas e bebidas leves, capazes de harmonizar com o cardápio e bebidas que serão servidos durante o banquete.






Foto: Estúdio Reversa


Foto: Ganske Fotos e Histórias



Ambientação

O coquetel de boas vindas pode conter de 45 minutos a 1 hora de duração, pois este é o tempo necessário para que o casal realize sua sessão fotográfica e se prepare (caso haja troca de roupa, retoque na maquiagem, etc.) antes de sua entrada triunfal na recepção. Para que seus convidados comecem a entrar no clima, a música ao vivo não pode faltar, oferecendo uma playlist agradável, contendo música clássica, jazz, bossa nova ou qualquer outro gênero próprio para este momento.





Fotos: Giraffes in Love



Não esqueça que o tempo destinado para o coquetel é aquele período onde os convidados começam a “quebrar o gelo”, quando a animação começa a tomar conta de seus corações, chegando ao ápice no momento em que o casal abre a pista de dança. Por isso, aproveite todas as dicas para criar um dia que ficará marcado para sempre na memória destas pessoas tão especiais.

Fonte de conteúdo textual: Zankyou / Gielen Walczak